Roberto Alban Galeria

SP-Arte Viewing Room

Coletiva

Exposição24/Agosto até 30/Agosto, 2020

Adrianne Gallinari

Belo Horizonte, 1965
Vive e trabalha entre Salvador, São Paulo e Belo Horizonte

Artista multimídia, graduada pela Escola Guignard, 1987. Desenvolveu suas habilidades em desenho e pintura com experimentações utilizando outros materiais como a cerâmica, e mídias como animação em vídeo. Fez licenciatura e bacharelado na Faculdade Santa Marcelina, passando a integrar o corpo de professores do Instituto Tomie Ohtake por quase dez anos.

 

Participou de várias mostras individuais entre elas: em 1990 a exposição individual na Sala Arlinda Correa, no Palácio das Artes (BH). 1997 - Projeto ABRA/ Coca­Cola, Paço das Artes, (SP); 2003Projeto Pampulha, curadoria de Adriano Pedrosa e Rodrigo Moura Museu de Arte da Pampulha, (BH); 2018 - Desenho + Pintura, Manoel Macedo Arte, (BH); expondo em cidades como São Paulo, Buenos Aires, New York. Sua individual recente 2020 - Desenho, Projeto Varanda, Casa de Cultura do Parque, (SP).

 

Também realizou exposições coletivas: 2000-  XXVI Bienal de Pontevedra, curadoria de Maria De Corral, Galicia, Spain. No mesmo ano, participou da I Bienal Bridgestone, no Centro Cultural Borges, em Buenos Aires e da exposição Wall Drawings, no The Drawing Center, em Nova York. Em 2003 participa da coletiva Subversão dos Meios, com curadoria de Maria Alice Milet no Instituto Cultural Itaú, (SP); Ordenação e Vertigem, no Centro Cultural Banco do Brasil, com curadoria de Agnaldo Farias. Em 2005 Desenhos de A a Z, curadoria de Adriano Pedrosa, Coleção Madeira Corporate Services, Ilha da Madeira, Portugal. Já em 2006 participa da coletiva Geração da Virada- 10+1, curadoria de Agnaldo Farias e Moacir dos Anjos. Em 2008 junto com as artistas Kiki Smith e Catherine Opie, realiza na Falconer Gallery, Iowa, (USA), a exposição "Disarticulated Bodies/ Destabilized Meanings", com curadoria de Alanna Nissen. Nos anos de 2003 e 2008 fez parte da Arco, Madri, Espanha. E integrou do projeto de intercâmbio entre artistas japoneses e brasileiros, Sessão Criativa Brasil Japão, Kawasaki City Museum, Japan com curadoria Futoshi Yoshizawa. Entre 2010 a 2016, continuou expondo em Brasília, São Paulo, Curitiba e Belo Horizonte. Em 2019 participou como convidada de um projeto de ação, experiência e residência artística nos Galpões Santo Antônio, Amparo, SP, sob a curadoria de Adriana Penteado. E a exposição Tempos Sensíveis, Curadoria de Agnaldo Farias. Museu de Arte Contemporânea do Paraná.

 

Como ilustradora, Adrianne teve seus trabalhos publicados na Ilustríssima, revista Bravo, caderno do jornal Folha de São Paulo. Em livros, destacam-se o de Joseph Conrad, O Passageiro Secreto, e o de Rodrigo Lacerda, O Fazedor de Velhos, ambos publicados pela Cosac Naify.

 

Integra coleções como: Itaú Cultural-SP-Brasil, Coleção Madeira Corporate Service-Ilha da Madeira-Portugal, o Museu de Arte da Pampulha-MG-Brasil e Banco de Espanha –Madrid-Espanha.

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

2022 - Desenho + pintura, Alban Galeria, Salvador, Barsil.
2020 - Desenho, Projeto Varanda, Casa de Cultura do Parque, São Paulo, Brasil.
2018 - Desenho + Pintura, Manoel Macedo Arte, Belo Horizonte, Brasil.
2012 - Enredos e Desenredos, Estúdio Buck, São Paulo, Brasil.
2012 - Intervenções 5 mergulhos SESC São Carlos, São Paulo, Brasil.
2007 - Desenhos, Casa Triângulo, São Paulo, Brasil.
2005 - Desenhos Paisagem, Galeria Celma Albuquerque, Belo Horizonte, Brasil.
2003 - Desenho Escrito, Casa Triângulo, São Paulo, Brasil.
2003 - Projeto Pampulha, curadoria de Adriano Pedrosa e Rodrigo Moura. Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil.
2001 - Desenho na Parede 1 Casa Triângulo, São Paulo, Brasil.
2001 - Desenho 2 Ruth Benzacar Galería de Arte, Buenos Aires, Argentina.
2000 - Wall Drawings, The Drawing Center, New York, USA.
2000 - Caderno 1 Galeria Celma Albuquerque, Belo Horizonte, Brasil.
2000 - Dibujos, Centro Cultural Borges, Buenos Aires, Argentina.
1997 - Projeto ABRA/ Coca-Cola, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
1990 - Sala Arlinda Correa, Palácio das Artes, Belo Horizonte, Brasil.
1989 - Itaú Galeria, Penápolis, Brasil.


EXPOSIÇÕES COLETIVAS 

2019 - Desenhos, Galpões Santo Antonio, projeto de ação, experiência e residência artística. Curadoria de Adriana Penteado, São Paulo, Brasil.
2019 - Tempos Sensíveis, Curadoria de Agnaldo Farias. Museu de Arte Contemporânea do Paraná. Brasil.
2016 - Um certo olhar – Galeria Estação, São Paulo, Brasil.
2015 - Sobre o que se desenha. Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil.
2012 - desenho esquema esboço bosquejo projeto debuxo ou o desenho como forma de pensamento. Curadoria, Agnaldo Farias. Gabinete do Desenho, São Paulo, Brasil.
2011 - Realidades. Desenho Contemporâneo Brasileiro. SESC Pinheiros, São Paulo, Brasil.
2010 - Labirinto, desenhos bordados. Multiplique Boutique. São Paulo, Brasil.
2010 - Diversidade e afinidades: universo x reverso, Espaço Cultural Contemporâneo Fundação Athos Bulcão. Brasília, Brasil.
2008 - "Disarticulated Bodies/Destabilized Meanings" Kiki Smith, Catherine Opie and Adrianne Gallinari. Curadoria de Alanna Nissen. Falconer Gallery, Iowa, USA.
2008 - O Desenho e seus papéis Alguns aspectos do Desenho Contemporâneo. SESC Pinheiros, São Paulo, Brasil. Organização: Shirley Paes Leme.
2008 - Arco 2008, Madri, Espanha.
2008 - Sessão Criativa Brasil Japão, Kawasaki City Museum, Japan. Curador Futoshi Yoshizawa. Produção nacional do evento de Sidney Philocreon e Mônica Rubinho.
2008 - "Swimming Poll - Mergulho de Olhos Abertos" Galeria de Arte Graça Landeira, Belém, Brasil.
2008 - Paralela 2008, curadoria Rodrigo Moura, São Paulo, Brasil.
2008 - "Pictoramas", curadoria de Florência Qualina e Lara Marmor, Centro Cultural da Espanha. Buenos Aires, Argentina.
2008 - "Pictoramas", Rio Negro, Patagônia, Argentina.
2006 - Geração da Virada, 10 1: Os Anos Recentes da Arte Brasileira, curadoria de Agnaldo Farias e Moacir dos Anjos, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, Brasil.
2006 - Paralela 2006, curadoria de Daniela Bousso, Prodan, São Paulo, Brasil.
2006 - Video MAP Museu de Arte da Pampulha, Curadoria Cao Guimarães. Belo Horizonte, Brasil.
2005 - Desenhos: A­-Z, curadoria de Adriano Pedrosa,Coleção Madeira Corporate Services Porta 33, Ilha da Madeira, Portugal.
2004 - Paralela, curadoria de Moacir dos Anjos, São Paulo, Brasil.
2004 - Obra Colecionada: 1943­2003. Curadoria Rodrigo Moura. Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil.
2004 - MOSTRA DO ACERVO, Curadoria: Lenora Pedroso. Museu de Arte Contemporânea do Paraná. Brasil.
2003 - Layers of Brazilian Art, curadoria de Lesley Wright, Falconer Gallery, Iowa, USA.
2003 - Arco 03, stand Casa Triângulo, Madrid, Espanha.
2003 - Ordenação e Vertigem, curadoria de Agnaldo Faria, Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo, Brasil.
2003 - Flip Pocket­-Sized Stories, curadoria de Teija Lammi e Patrick Soderlund Pori Art Museum, Pori, Finland.
2003 - R1: Ausstellung, Adrianne Gallinari, Heide Henrichs, Patrick Lebret, curadoria de Philippe Van Cauteren, Hamburg, Deutschland.
2003 - Subversão dos Meios, curadoria de Maria Alice Milliet, Instituto Cultural Itaú, São Paulo, Brasil.
2003 - Coletiva Galeria Casa Triângulo, São Paulo, Brasil.
2002 - Bienal Ceará América, curadoria de Philippe Van Cauteren e Jan Hoet, Fortaleza, Brasil.
2002 - Transformer, curadoria de Teija Lammi, Pori Art Museum, Pori, Finland.
2002 - 25 Years of The Drawing Center, Drawing Center, New York, USA.
2002 - Matéria Prima, curadoria de Lisete Lagnado e Agnaldo Farias, Novo Museu, Curitiba, Brasil.
2002 - Paralela, Exposição Paralela à 25ª Bienal de São Paulo, Brasil.
2002 - FAXINAL DAS ARTES, Curadoria de Agnaldo Farias. Museu de Arte Contemporânea do Paraná. Brasil.
2001 - Bienal Del Dibujo Contemporáneo, La Casona de los Oliveiras, Buenos Aires, Argentina.
2000 - Bienal de Pontevedra, curadoria de Maria De Corral, Galicia, Espanha.
2000 - I Bienal Bridgestone Centro Cultural Borges, Buenos Aires, Argentina.
2000 - Open Studio Bolsa Kuitca, Centro Cultural Borges, Buenos Aires, Argentina.
2000 - Projeto ABRA/ Coca-­Cola, Paço das Artes, São Paulo, Brasil
1997 - A Arte contemporânea da Gravura, Museu Metropolitano de Arte de Curitiba.
1997 - Prospecções: Arte nos Anos 80 e 90. Palácio das Artes, Belo Horizonte, Minas Gerais.
1996 - Projeto Antarctica Artes com a Folha, Pavilhão Manoel de Nóbrega, São Paulo, Brasil.
1996 - III Salão do Museu de Arte Moderna, Museu de Arte Moderna da Bahia, Salvador, Brasil.
1995 - Latin American Book Arts, Center for Book Arts, New York, USA.
1995 - Guaicurus. Centro Cultural UFMG, Belo Horizonte, Brasil.
1994 - Iº Salão do Museu de Arte Moderna, Museu de Arte Moderna da Bahia, Salvador, Brasil.
1994 - 10ª Mostra de Desenho Brasileiro, no MAC/ PR Curitiba, Brasil.
1994 - Guignard: 50 anos de uma escola de arte. Galeria Vidyã. Belo Horizonte, Brasil.
1994 - 1º Salão de Artes Plásticas, no MAM/ Bahia, Brasil.
1994 - 10° Mostra de Desenho Brasileiro, Museu de Arte Contemporânea, Curitiba, Brasil.
1994 - III Salão Paraense de Arte Contemporânea, Belém, Brasil.
1992 - Utopias Contemporâneas, Palácio das Artes, Belo Horizonte, Brasil.
1992 - XXIII Salão Nacional de Arte, Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil.
1992 - COLETIVA. Museu de Arte Moderna da Bahia. Brasil.
1991 - Paixões Secretas, Museu Mineiro. Belo Horizonte, Brasil.
Instalação no Porto, Vitória, Brasil.
1991 - 23º Salão Nacional da Prefeitura de Belo Horizonte, Brasil.
1990 - Prospecção 90, Subdistrito Comercial de Arte, São Paulo, Brasil.
1989 - 21º Salão Nacional da Prefeitura de Belo Horizonte, Brasil.
1989 - Centenário de Jean Cocteau, no Palácio das Artes, Belo Horizonte, Brasil.
1988 - XIV Salão de Arte Contemporânea de Ribeirão Preto, Ribeirão Preto, Brasil.
1986 - 43º Salão Paranaense, MAC/ PR Curitiba, Brasil.
1986 - 7º Salão Nello Nuno, Viçosa, Brasil.
1983 - Coletiva, MAM/ BA Curadoria Sonia Castro. Salvador, Brasil.


PRÊMIOS

2000 - Primeiro Prêmio, I Bienal Bridgestone Centro Cultural Borges, Buenos Aires, Argentina.
1997 - Programa de Bolsas para Artistas Jovens Guillermo Kuitca, Buenos Aires, Argentina.
1997 - Programa ABRA/ Coca-­Cola, Paço das Artes, São Paulo, Brasil.
1991 - Aquisição, XXII Salão Nacional de Arte, Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte - Brasil.
1987 - Desenho, Salão Universitário Faculdade Santa Marcelina, São Paulo, Brasil.


COLEÇÕES PÚBLICAS 

Itaú cultural, Brasil.
Família Rubell, U.S.A.
Colecção Madeira Corporate Services, Portugal.
Museu de Arte da Pampulha, Brasil.
Banco de Espanha, Madri.