Roberto Alban

O coxo, o sádico e o poeta

| Alvaro Seixas |

de 23 Março, 2017 a 22 Abril, 2017


Doutor em Linguagens Visuais pelo Programa de Pós-Graduação Visuais da UFRJ. Desde 2015 é professor de Desenho da Escola de Belas Artes, UFRJ, Rio de Janeiro.

Em 2005 realizou sua primeira exposição individual, na Galeria de Arte do SESC Niterói. Em 2008, em Belém do Pará, recebeu o Prêmio SIM de Artes Visuais e participou da coletiva Janelas Para o Mundo no Espaço Cultural Casa das Onze Janelas. Em 2009, o artista foi premiado pelo Instituto Itaú Cultural e participou da quinta edição da exposição coletiva Rumos Itaú Cultural Artes Visuais – Trilhas do Desejo (Instituto Itaú Cultural, São Paulo; Paço Imperial, Rio de Janeiro).

Em 2012 foi contemplado, juntamente com os artistas Rafael Alonso e Hugo Houayek, com o Prêmio Projéteis Funarte de Arte Contemporânea – Rio de Janeiro, resultando na exposição coletiva Palácio, realizada no Mezanino da Funarte do Palácio Gustavo Capanema, Rio de Janeiro.

Dentre suas exposições recentes se destacam a coletiva "Ornamentos" (2013) na Galeria A Gentil Carioca, Rio de Janeiro e "Paintbrush" (2015) na Galeria Mercedes Viegas Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.

Em 2015 foi o mais jovem artista selecionado para concorrer à quinta edição do Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas e integrou a mostra coletiva por ocasião da premiação no MAC-USP.

Ainda em 2015, participa da X Bienal do Mercosul, Porto Alegre.
Em 2011, publicou o livro “Sobre o Vago: Indefinições na Produção Artística Contemporânea” e, em 2013, "Palácio". Possui obras em diversas coleções particulares, destacando-se a Coleção Diógenes Paixão (Rio de Janeiro).

Formação Acadêmica

2015 - Doutor em Linguagens Visuais, Escola de Belas Artes, Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ, Rio de Janeiro.
2010 - Mestre em Linguagens Visuais, Escola de Belas Artes, UFRJ, Rio de Janeiro.
2006 - Bacharel em Pintura, Escola de Belas Artes, UFRJ, Rio de Janeiro.


Atuação Acadêmica

2015 - Professor da Escola de Desenho da Escola de Belas Artes da UFRJ, Rio de Janeiro.
2009-2015 - Professor da Escola de Design da Universidade Veiga de Almeida, Rio de Janeiro.

Exposições Individuais

2017 - O Coxo, o Sádico e o Poeta. Roberto Alban Galeria de Arte, Salvador.
2016 - Alvaro Seixas: O Artista que queria ser Rei. DotART Galeria de Arte, Belo Horizonte.
2015 - Paintbrush. Mercedes Viegas Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.
2015 - Alvaro Seixas. Projeto Technô. Oi Futuro Flamengo, Rio de Janeiro.
2012 - Alvaro Seixas: Keep Dripping. Mercedes Viegas Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.
2008 - Alvaro Seixas. Galeria Amarelonegro Arte Contemporânea, Rio de Janeiro, RJ.
2005 - Alvaro Seixas. Galeria de arte do SESC, Niterói, RJ.

Principais Exposições Coletivas


2017 - A Luz que vela a corpo é a mesma que revela a tela. Curadoria Bruno Miguel. Caixa Cultural, Rio de Janeiro.
2017 - Mundos Reinventados (Let us just call it abstract). Curadoria Bob N. C Galeria, Rio de Janeiro.
2016 - The Unique Institutional Critique Pop-Up Boutique. Galeria Cavalo, Rio de Janeiro.
2016 - Um desassossego. Galeria Estação, São Paulo.
2016 - Pequenas Pinturas. Curadoria Ricardo Kugelmas e Bruno Dunley. Auroras, São Paulo.
2016 - Alvaro Seixas, Jhafis Quintero e Roberto Freitas. Curadoria Wilson Lázaro. Casa DotART, Belo Horizonte.
2016 - Exposição Inaugural. Galeria Cavalo, Rio de Janeiro.
2015 - 10ª Bienal do Mercosul “Mensagens de Uma Nova América”, Porto Alegre.
2015 - 5º Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas. MAC-USP, São Paulo.
2013 - Ornamentos. Curadoria Felipe Scovino. A Gentil Carioca, Rio de Janeiro.
2012 - Coletiva 12. Mercedes Viegas Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.
2012 - Palácio: Alvaro Seixas, Hugo Houayek, Rafael Alonso – Prêmio Projéteis Funarte de Arte Contemporânea 2012, Palácio Gustavo Capanema, Rio de Janeiro.
2011 - Coletiva 11. Mercedes Viegas Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.
2011 - (Des)equilíbrios e (Im)perfeições, curadoria Marcus de Lontra Costa. Galeria Coleção de Arte, Rio de Janeiro.
2011 - Pintura Ampliada: Alvaro Seixas, Hugo Houayek e Rafael Alonso, curadoria Felipe Scovino. Centro Cultural Banco do Nordeste, Fortaleza.
2011 - Pintura Reprojetada, curadoria Marcus de Lontra Costa. Espaço Cultural Marcantonio Vilaça do TCU, Brasília.
2010 - Além do Horizonte, curadoria Daniela Name. Galeria Amarelonegro Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.
2010 - Alvaro Seixas/Rafael Alonso, Atelier Subterrânea, Porto Alegre.
2009 - Mirantes - Rumos Itaú Cultural, curadoria Alexandre Sequeira, Galeria Juvenal Antunes, Rio Branco.
2009 - Rumos Itaú Cultural 2008-2009 - Trilhas do Desejo - curadoria de Paulo Sérgio Duarte, Instituto Itaú Cultural (São Paulo) e Paço Imperial (Rio de Janeiro).
2008 - Janelas para o Mundo - Prêmio SIM de Artes Visuais - curadoria de Marisa Flórido Cesar, Espaço Cultural Casa das Onze Janelas, Belém.
2008 - Arquivo Geral, curadoria Fernando Cocchiarale, Centro Cultural da Justiça Eleitoral, Rio de Janeiro.
2008 - Arte pela Amazônia, Fundação Bienal, São Paulo.
2007 - Velatura Sólida – curadoria Felipe Barbosa, Galeria Amarelonegro Arte Contemporânea, Rio de Janeiro.


Salões e Prêmios

2015 - Selecionado para o 5º Prêmio CNI-SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas.
2012 - Prêmio Projéteis Funarte de Arte Contemporânea 2012 – Rio de Janeiro. Pela proposta de exposição “Palácio”, concebida em parceria com Hugo Houayek e Rafael Alonso.
2008 - Rumos Itaú Cultural 2008-2009 - o artista foi premiado e selecionado na iniciativa pela comissão curatorial formada por Alexandre Sequeira, Christine Mello, Marília Panitz, Paulo Reis e coordenada por Paulo Sérgio Duarte.
2008 - Prêmio SIM Artes Visuais: com a proposta de exposição coletiva Janelas para o Mundo na Casa das Onze Janelas (Belém, PA) e com curadoria de Marisa Flórido Cesar. Artistas participantes: Alvaro Seixas, Bianca Tomaselli, Gisele Camargo, Hugo Houayek e Rafael Alonso.


Bibliografia Selecionada

SEIXAS, Alvaro. Palácio: Alvaro Seixas, Hugo Houayek, Rafael Alonso. Rio de Janeiro: Editora Apicuri, 2013.
SEIXAS, Alvaro. Sobre o Vago: Indefinições na Produção Artística Contemporânea. Rio de Janeiro: Editora Apicuri, 2011.
LONTRA COSTA, Marcus de; SEIXAS, Alvaro. Pintura Reprojetada. Brasília - DF: Tribunal de Contas da União, 2011.

Obras em Museus e Coleções

- The Alex Katz Foundation, EUA.
- MAR - Museu de Arte do Rio de Janeiro.
- Coleção Diógenes Paixão, Rio de Janeiro.